Festival de cinema convida um fã a assistir sozinho aos filmes numa ilha deserta

Levando o distanciamento social a um novo nível, o Festival de Cinema de Gotemburgo na Suécia está a convidar um fã de cinema para passar sete dias numa ilha-farol isolada, tendo apenas filmes e o mar como companhia.

Como muitos festivais de cinema recentes, o Festival de Gotemburgo está a ser pensado de uma forma digital devido à covid-19. Mas a organização decidiu oferecer a um espetador do festival uma experiência totalmente diferente, chamada de Cinema Isolado.

O espetador escolhido será transportado de barco até à ilha sueca de Pater Noster – que o diretor artístico do Festival de Cinema de Gotemburgo, Jonas Holmberg, chama de “um dos lugares mais belos e dramáticos que conheço”.

Uma vez lá, será instalado na casa do ex-faroleiro onde ficará uma semana, de 30 de janeiro a 6 de fevereiro, assistindo a todos os filmes do festival. Mas atenção, não pode ter telemóvel, nem computador, livro ou televisão.

 



Notícias relacionadas
Comentários
Loading...