Polícia britânica desmantelou grupo organizado envolvido no comércio de passaportes

As autoridades britânicas prenderam na passada 2ª feira 24 pessoas suspeitas de estarem envolvidas no comércio de passaportes fraudulentos para grupos de crime organizado sediados no Reino Unido. Mais de 250 oficiais da polícia em Londres, Kent, Essex e Merseyside participaram na ‘Operação Strey’. A Agência Nacional do Crime (NCA) afirmou que desmantelou um grupo criminoso que permitiu que fugitivos e criminosos, como traficantes transnacionais de drogas e armas de fogo, cruzassem as fronteiras sem serem detetados.

Os investigadores afirmam que o grupo especializou-se no fornecimento de passaportes genuínos (FOGs) obtidos de forma fraudulenta, que são passaportes autenticamente emitidos contendo informações falsas. Isso significa que os FOGs são capazes de enganar os métodos usados ​​para detetar falsificações, resultando numa mercadoria muito procurada por criminosos em todo o Mundo.

“Acreditamos que as atividades deste grupo possibilitaram algumas das mais graves criminalidades organizadas no Reino Unido e em todo o Mundo”, disse Jacque Beer, chefe regional de investigações da NCA.



Comentários
Loading...