Malta: Um dos acusados de homicídio da jornalista Daphne Caruana Galizia condenado a 15 anos de prisão

Três anos e meio após a morte de Daphne Caruana Galizia, também conhecida pela imprensa internacional como a “jornalista anticorrupção”, os três acusados do delito ouviram a sentença e um deles, Vincent Muscat, foi condenado pelo tribunal de La Valletta a 15 anos de prisão por homicídio, como noticia o Le Monde.

Ao anunciar a decisão, o tribunal disse que levou em consideração o facto de Muscat se ter declarado culpado, colaborando com a polícia desde 2018.

A família da jornalista afirmou estar à espera que a condenação de Muscat “abra caminho para que seja feita uma justiça completa no caso da morte de Daphne Caruana Galizia”. O advogado da família, Jason Azzopardi, clarificou que os seus clientes concordaram com a proposta do Ministério Público que resultou numa sentença de 15 anos de prisão para Vincent Muscat.

A 16 de outubro de 2017, a jornalista Daphne Caruana Galizia foi morta aos 53 anos, depois de ter sido colocada uma bomba no seu automóvel. Durante vários anos, Galizia investigou crimes de corrupção e colarinho branco no circulo político de Malta, tendo ficado conhecida por denunciar a venda de passaportes europeus operada pelo Estado de Malta a muitos sujeitos a sanções internacionais, como revela a imprensa francesa.

Além de Muscat e dos irmãos Alfred e George Degiorgio, suspeitos de terem fabricado, colocado e feito explodir a bomba que matou a jornalista, um quarto homem ligado ao caso, Yorgen Fenech, empresário de sucesso, foi detido em 2019 no seu iate quando tentava fugir de Malta.

Fenech é considerado, pela imprensa internacional, como uma pessoa que tinha informações sobre o caso. Alguns media e a própria família de Daphne Caruana Galizia acreditam que é ele o autor moral e patrocinador do homicídio, mas o empresário ainda aguarda julgamento, explica a Reuters.

A detenção do empresário gerou demissões em cadeia de vários responsáveis políticos de Malta.





Notícias relacionadas
Comentários
Loading...