Polícia alemã investiga possível ataque terrorista em comboio que provoca cinco feridos

A polícia alemã está a investigar um ataque, na manhã desta sexta-feira, num comboio que provocou ferimentos em cinco passageiros – foi avançada a possibilidade de se tratar de um agressor ligado ao terrorismo islâmico. O comboio viajava perto da cidade de Aachen, na Renânia do Norte-Vestfália, no extremo oeste do país, por volta das 7h40, horário local, quando um homem começou a atacar outros passageiros “aleatória e arbitrariamente”, segundo revelou o ministro do Interior do estado, Herbert Reul.

Um homem nascido no Iraque foi preso em relação ao ataque. A polícia germância afirmou que o suspeito de 31 anos foi dominado por um polícia que se encontrava no comboio e outros dois passageiros. O oficial, não identificado, garantiu: “Estava a caminho do trabalho, é tudo o que posso dizer.”

Cinco pessoas e o agressor ficaram feridos mas apenas quatro precisaram de tratamento hospitalar. Nenhum deles estava em estado crítico mas sofreram diversos cortes nas mãos e no rosto. Reul garantiu tratar-se de “de um crime horrível que foi interrompido num enorme ato de coragem”.

O ministro do Interior acrescentou que o suspeito já era conhecido das autoridades, alegadamente desde 2017. No entanto, acrescentou que as autoridades não confirmaram que o suspeito tinha um motivo islâmico para o ataque. Havia cerca de 270 passageiros no comboio regional que estava perto de Herzogenrath no momento do ataque.



Comentários
Loading...