Lamborghini pretende investir 1,8 mil milhões de euros para eletrificar todos os modelos

A Lamborghini anunciou que o primeiro carro elétrico da sua história vai chegar ao mercado em 2027. No entanto, para que esse passo seja dado, o fabricante de luxo vai investir fortemente para eletrificar os seus modelos – em entreivsta à ‘Sole 24 Ore’, Stephan Winkelmann anunciou que a marca italiana planeia investir 1,8 mil milhões de euros a favor da eletrificação. Embora o valor pareça alto, o responsável acrescentou que este investimento não leva em consideração o desenvolvimento de veículos 100% elétricos.

O valor investido destina-se ao desenvolvimento de uma série de veículos híbridos, incluindo o descendente do Lamborghini Aventador, que se encontra em processo de refinamento – é sabido que mantém o motor V12 mas que será elétrico. O fabricante de Sant’Agata Bolognese vai gastar igualmente milhões de euros para a substituição híbrida do Huracan, sem esquecer o Uros. Assim, a partir de 2024, todos os modelos da marca italiana serão eletrificados de acordo com o plano da empresa.

Apesar da transição para a era elétrica, a Lamborghini faz questão de honrar o desempenho e o respeito pelo seu ADN. “Os ‘lambos’ vão sempre parecer-se com naves espaciais”, apontou Mitja Norkert, diretora de design do fabricante de luxo. “Serão sempre inspiradores e, qualquer que seja a tecnologia, terão o som e emoção para tocar no cliente.”



Comentários
Loading...