DS 7: marca francesa faz restyling de luxo que desenvolve 360 cavalos

Deixou ‘cair’ o Crossback e ficou somente DS 7 – o SUV francês aproveitou a sua reestilização para perder o nome que ficou conhecido aquando do lançamento, cinco anos depois da sua apresentação. Em 2022, o DS7 surge de cara lavada… e de ‘coração’ vitaminado, com um novo motor que debita 360 cv no seu catálogo.

Na sua versão anterior, os engenheiros integraram três elementos de luz móveis na ótica frontal, todos complementados por luzes verticais diurnas – na nova versão, a ótica frontal beneficiou de uma nova tecnologia de matriz de LED conhecida como DS Pixel Led Vision 3.0, um feixe de luz mais potente e uniforme, com alcance aumentado de faróis altos de até 380 metros. Os máximos são compostos por 84 LEDs para uma gestão de iluminação mais precisa.

Em geral, o ‘restyling’ concentrou-se na parte frontal. A grelha é, por exemplo, mais quadrada, retomando a do DS 4. Na traseira, o porta-malas também é novo. Novas linhas em relevo na base do óculo traseiro conferem mais dinamismo e as unidades de luz mudam tanto na forma como na assinatura luminosa. Entre as duas luzes, ‘caiu’ a inscrição “Crossback”.

As mudanças no interior são menos percetíveis do que no exterior. Apenas o écrã central mudou. Existem mais opções na hora de personalizar o interior.

Em termos de habitabilidade, o DS 7 não evoluiu, as versões térmicas e híbridas têm sempre direito a um volume de bagageira de 555 litros. O espaço na fila 2 é sempre excelente e dois adultos podem sentar-se confortavelmente.

O DS 7 também incorpora um sistema de visão noturna baseado numa câmera infravermelha para detetar pedestres, ciclistas ou animais no escuro.

Em termos de motores, o DS 7 ainda estará disponível com uma unidade diesel de quatro cilindros BlueHDI de 130 cv e 1,5 litros. Não há motores a gasolina puros e duros, em vez disso pode encontrar três versões híbridas recarregáveis ​​de 225, 300 e 360 ​​cv.

Todas as variantes PHEV vêm com uma nova bateria de 14,2 kWh que a DS afirma poder percorrer até 65 km no modo elétrico e até 81 km no ciclo urbano. A bateria pode ser carregada em duas horas através do carregador de bordo de 7,4 kW.

Ler Mais



loading...

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.