Covid-19: Protesto contra vacina obrigatória deixa Southwest Airlines sem 1800 voos no fim de semana

A Southwest Airlines cancelou, no último fim de semana, mais de 1.800 voos domésticos e atrasou outros 1.500, deixando milhares de viajantes nos Estados Unidos da América a ter de procurar um novo meio de transporte. Em causa, segundo a imprensa americana, estará um ‘protesto’ dos funcionários contra a ordem de vacinação obrigatória.

A escassez generalizada de pessoal operacional resultou no encerramento de 28% dos voos programados e ocorreu menos de uma semana depois de a empresa aplicar a vacina do Covid-19 aos seus funcionários. A hipótese foi negada pela Southwest, que em comunicado, garantiu que os cancelamentos ao mandato é “um boato e especulação infundados”, afirmando que os cancelamentos foram devidos a “desafios climáticos” na Flórida e “problemas inesperados de controlo de tráfego aéreo na mesma região”, explicou a companhia aérea.



Comentários
Loading...