Covid-19: Nível de vacinação pode permitir fim do uso de máscara no exterior já em agosto, admitem especialistas

Numa altura em que o nível de vacinação contra a Covid-19 está elevado (46% da população com as duas doses e 64% com pelo menos uma), alguns especialistas admitem a possibilidade de já não ser necessário usar máscara em espaços exteriores, desde que mantendo a distância social, avança o ‘Jornal de Notícias’ (JN).

O primeiro a deixar no ar (ainda que indiretamente) essa hipótese foi mesmo o primeiro-ministro, António Costa, que ontem disse que “com a aceleração do processo de vacinação, podemos encarar o final deste verão como um momento importantíssimo para a confiança e para a libertação total da sociedade, que é a imunidade de grupo”.

Para o virologista Pedro Simas, esta libertação da sociedade depende também do nível de imunidade, mas “supondo que o primeiro-ministro quer dizer que vamos ter 60% a 70% da população completa”, pode pensar-se num “desconfinamento gradual em agosto”, defende.

Assim, o especialista aponta que nessa altura poderá terminar a obrigatoriedade do uso de máscara na via pública, “exceto em grandes eventos em que o distanciamento social não está garantido”, disse citado pelo ‘JN’.

Também a pneumologista Raquel Duarte admite o fim da obrigatoriedade do uso de máscara na via pública. “Não me parece totalmente errado, uma vez que o risco é menor se se cumprirem as medidas de distanciamento”, disse sublinhando, contudo, que em espaços fechados, o uso de máscara deve acontecer “sempre”.

Ainda assim, a responsável mostra-se cautelosa porque, “se hoje assistimos a uma desaceleração do crescimento da incidência, a verdade é a doença, mesmo que, na forma ligeira, tem sequelas a longo prazo”, alertou ao jornal acrescentando que “estamos ainda longe da imunidade de grupo de 80% a 85%, com grande transmissão na comunidade”.

Por esse motivo, Raquel Duarte considera que “estamos ainda longe de uma situação de grande abertura, não podendo pôr o risco o outono/inverno”. “Se permitirmos a transmissão no verão com a abertura, vamos criar reservatórios que podem acelerar a transmissão no início do outono”, conclui.

Ler Mais




Comentários
Loading...