ANA está disposta a avançar com aeroporto no Campo de Tiro de Alcochete (e admite descartar Montijo)

A ANA – Aeroportos de Portugal mostrou-se disposta a avançar com o novo aeroporto no Campo de Tiro de Alcochete, descartando a opção de construção no Montijo, avança a ‘SIC’.

Segundo a estação, que cita um comunicado da concessionária dos aeroportos, esse cenário é aceite, mas com uma condição: a concessão deve ser alargada por mais 25 anos.

“A ANA aguarda a decisão do Governo sobre essa matéria e reitera a sua disponibilidade para acordar com o Estado Português as condições de concretização da mesma”, lê-se na nota enviada à ‘SIC’.

A “disponibilidade” mencionada foi, aliás, o que fez o ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno Santos, avançar para o decreto que provocou uma crise política, após ser revogado pelo primeiro-ministro, António Costa.

A estação adianta que “não chegaram a existir negociações formais, mas que a ANA sinalizou a disponibilidade para um aeroporto com capacidade praticamente ilimitada” em Alcochete.

A ANA disse não estar disponível para gastar mais dinheiro do que os 1.100 milhões de euros que tem reservados para expandir a Portela, segundo fontes citadas pela ‘SIC’, que ressalvam que irá avançar para o aeroporto em Alcochete se os custos forem assumidos pelo Estado.

Ler Mais


Comentários
Loading...