Volkswagen reúne armas para enfrentar a Tesla no campo dos veículos elétricos

A Volkswagen prevê duplicar o número de funcionários na sua divisão de carga e energia, lançar uma nova tecnologia de pagamento no próximo ano e ainda avançar com novas alianças estratégicas para enfrentar a Tesla numa importante área da produção de veículos elétricos (EV) – as infraestruturas de energia.

Ao garantir que existem várias tomadas de carregamento rápido – e energia suficiente – para os EV que pretende comercializar, a fabricante alemã espera convencer os clientes que demonstram preocupação com as baterias dos EV que podem confiar na tecnologia e que podem, por fim, abandonar os carros movidos a combustível fóssil, segundo a ‘Reuters’.

Nesse sentido, a Volkswagen conta com a veterano da indústria de energia Elke Temme, que passou quase duas décadas nas empresas de energia alemãs RWE e Innogy, para ajudar a empresa a reunir as ferramentas necessárias para enfrentar a Tesla.

Temme, que iniciou funções em janeiro, é responsável pelo agrupamento das várias atividades de energia da fabricante, como a compra de energia, o carregamentos dos veículos nos domicílios e nas estradas e ainda a venda da eletricidade necessária.

A nova contratação rapidamente percebeu que a empresa precisava de uma força de trabalho maior, pelo que pretende ter o dobro dos elementos na sua equipa, para cerca de 300 já no próximo ano, de acordo com a agência noticiosa.

“Estamos a investir em áreas de grande crescimento que nem sempre precisam de ser lucrativas imediatamente. Olhamos para esses investimentos no contexto geral da estratégia do nosso grupo”, explicou.

A Volkswagen lidera o mercado mundial com os seus planos de investimento para EV e baterias até 2030, de acordo com uma análise da ‘Reuters’.

Ler Mais


Comentários
Loading...