Chiron Super Sport é o novo “cavalo de corrida” da Bugatti. São 440km/h por 3,2 milhões de euros

O novo Chiron Super Sport é a nova “menina dos olhos” da Bugatti. A marca já avançou que o automóvel chega ao mercado no início de 2022 e vai custar cerca de 3,2 milhões de euros.

O feliz comprador adquire em troca um automóvel com capacidade de alcançar os 440km/h.  A marca garante, no entanto, que este é um “veículo fácil de controlar e com uma estrutura trabalhada para garantir a estabilidade na estrada”.

De forma a assegurar um forte desempenho aerodinâmico, a traseira cresceu cerca de 25 centímetros para manter o fluxo laminar na carroçaria, durante o maior tempo possível.

Os nove orifícios de ar no tubo de escape servem para libertar a pressão do ar dos poços da roda dianteira, gerando assim um downforce no eixo frontal.

O motor W16 de 8,0 litros do Chiron Super Sport, tem um desempenho de 1.176 kW/1.600 PS. Ao mesmo tempo, o peso do veículo foi reduzido em mais de 23 quilos, face ao projeto original.

Os engenheiros alteraram ainda os turbocompressores, bomba de óleo, válvulas, bem como na transmissão e embraiagem.

“Aumentámos as rotações por minuto (RPM) para uma aceleração longitudinal ainda maior e uma experiência de condução ainda mais emotiva”, explica Michael Kodra, responsável pelo departamento de desenvolvimento  da Bugatti.

Neste momento, este automóvel consegue chegar às 7.100 RPM.

O habitáculo é composto por uma mistura de elementos naturais como o couro e alumínio polido, aliados à fibra de carbono.

“O nosso objetivo era dar ao veículo uma configuração neutra e simples, mas com capacidade de atingir altas velocidades”, explica Frank Heyl, diretor adjunto do departamento de design da Bugatti.

Ler Mais




Comentários
Loading...