33% dos portugueses compraria um carro em segunda mão online

Um estudo realizado pela CarNext dá conta de uma mudança de comportamento dos consumidores na compra de carros usados, com 33% dos consumidores portugueses a revelar que considerariam comprar um veículo em segunda mão online.

“Mais de metade (60%) dos entrevistados afirmaram que essa escolha se deve principalmente à comodidade, considerando a possibilidade de comparar preços, ler avaliações e procurar informações sem sair de casa”, explica o marketplace para carros usados europeu, numa nota enviada à imprensa.

De acordo com a CarNext, a vasta maioria (78%) dos condutores inquiridos afirmam que a razão principal para a compra de carros usados é a maior conveniência, sendo que 16% afirmaram que a compra é motivada principalmente pelo desejo de fazer viagens de um dia ou pequenas viagens de fim de semana. Por outro lado, 3% comprariam um carro principalmente para utilização nos feriados mais longos.

Nas palavras de Luís Lopes, managing director da CarNext em Portugal, “o estudo também mostra um nível mais elevado de entusiasmo pela compra online de carros entre os Millenials e a Geração Z, fortalecendo ainda mais as competências da CarNext como o fornecedor melhor posicionado para responder a essa tendência, graças à sua plataforma de tecnologia disruptiva, e ao valor adicional que oferecemos aos consumidores”.

“O crescimento do comércio eletrónico, que foi espoletado pela pandemia de Covid-19, especialmente entre os consumidores mais jovens, cria uma oportunidade de longo prazo para expandir a nossa posição como líderes num espaço que se encontra perfeitamente adequado às necessidades atuais e futuras de mobilidade do consumidor”, referiu ainda o mesmo responsável.





Comentários
Loading...