Comércio e indústria alimentar são responsáveis por um quarto da publicidade em Portugal

Apenas dois setores foram responsáveis por um quarto do investimento publicitário em Portugal, no ano passado, a preços de tabela: comércio e indústria alimentar. Os dados da MediaMonitor mostram que o investimento caiu 4,6%, no geral, mas que o setor do comércio se manteve como o palco dos maiores anunciantes em televisão, rádio, imprensa, outdoor, Internet e cinema.

O setor do comércio representou, em 2020, 13,9% do investimento publicitário nestes meios, no mercado nacional. O segundo lugar cabe à indústria da alimentação com um peso de 11%. Em conjunto, os anunciantes destes dois setores responderam por 25% do investimento publicitário.

Segundo a Marktest, os dois setores oscilaram entre 21% do investimento total, em janeiro, e 30%, em dezembro, no último ano.

A indústria farmacêutica fecha o pódio dos setores que mais investiram, a preços de tabela, sendo responsável por 9% do total. Seguem-se os setores automóvel (8,6%) e de higiene pessoal (7,8%). Mais de metade do mercado publicitário ficou concentrado nestes cinco setores, aponta a MediaMonitor.

Por meios, a televisão foi aquele que mais destacou, tendo sido o destino de 83,3% dos montantes a preços de tabela. A Internet surge logo depois, com 8,5% dos valores, enquanto os restantes meios ficaram com 8,2%.





Notícias relacionadas
Comentários
Loading...