Final da Champions: Autoridades britânicas já estão em Portugal para identificar hooligans

A final da Liga dos Campeões acontece este sábado na cidade do Porto e as autoridades policiais britânicas já se encontram em Portugal, para que em conjunto com a policia portuguesa, possam controlar a chegada de adeptos de risco, os chamados hooligans, avança o ‘Público’.

Segundo a mesma publicação, já estão em solo português alguns polícias das cidades de Londres e de Manchester, onde se localizam os finalistas da competição, envolvidos também na operação de segurança que está a ser preparada para sábado.

O objetivo da vinda destes agentes a Portugal, adianta o jornal, passa por identificar e sinalizar grupos de risco, ajudando as autoridades  portuguesas a neutralizar qualquer ponto de conflito.

Os hooligans têm como característica uma cultura casual, não tendo por hábito usar qualquer adereço do clube, o que complica a sua identificação. Normalmente, estes grupos viajam em pequenos aglomerados afastados da principal coluna de adeptos.

No caso do Manchester, os grupos Blazing Squad e Guvnors, são o principal apoio radical dos “citizens”. Já no Chelsea, são os Headhunters o principal grupo de apoio dos “blues”. Ambos têm ligações a movimentos de supremacia branca e de extrema-direita, segundo o ‘Público’.

Espera-se que esta quinta-feira a Polícia de Segurança Pública (PSP) realize uma conferência de imprensa para divulgar o plano de segurança que está a ser preparado para o jogo, numa altura em que já começam a chegar alguns adeptos à invicta, escapando assim à bolha de segurança que o Governo exigiu para a chegada a Portugal.

Ler Mais




Notícias relacionadas
Comentários
Loading...