Filho de Joe Biden sob investigação fiscal

Hunter Biden, filho do Presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, está sob investigação do procurador-geral do Estado do Delaware devido a questões fiscais na sequência de negócios com a China.

Foi o próprio Hunter Biden quem abordou a questão através de comunicado divulgado pela imprensa norte-americana. “Levo este caso muito a sério, mas estou certo de que uma avaliação profissional, objetiva e rigorosa deste caso irá demonstrar que tudo foi tratado dentro dos limites legais”, referiu no documento.

Entretanto, segundo a CNN, a investigação foi desencadeada em 2018, quando Joe Biden já não era vice-presidente dos EUA, envolvendo a atuação de Hunter Biden na China ao negociar um contrato com o grupo CEFC China Energy, cuja ação se desenvolve na área das energias. A cadeia de televisão norte-americana aprofunda os motivos que conduziram ao processo de investigação: Hunter recebeu de Ye Jianming, fundador do referido grupo, um presente sob a forma de um diamante com 2,8 quilates, avaliado em 66 mil euros. No ano passado, segundo contou à revista The New Yorker, o filho de Joe Biden admitiu sentir-se desconfortável com a prenda, revelando que o distribuiu por diferentes sócios. As negociações com o grupo chinês acabaram por não resultar e, mais tarde, Ye Jianming foi detido sob acusações de corrupção.

Uma das questões em causa no processo de investigação diz respeito à dúvida se Hunter Biden terá referido de forma correta o diamante na sua declaração fiscal.

Recorde-se que o filho de Joe Biden tem sido por diversas vezes alvo das acusações de Donald Trump e de representantes do Partido Republicano – no final do ano passado, Trump pediu à China que investigasse o filho de Biden e, além disso, este já estivera no centro das atenções quando o Presidente norte-americano terá solicitado ao homólogo ucraniano, Volodymyr Zelensky, que desse ordens para ser aberto um processo de averiguações sobre o seu trabalho para uma empresa de gás natural ucraniana. Foi aqui que se iniciou o processo de ‘impeachment’ aberto pelo Partido Democrata contra Trump por alegada violação da lei com essa atitude. Porém, o processo acabou por não ter sucesso.



Notícias relacionadas
Comentários
Loading...