Yoshiki Takeuchi é o novo secretário-geral adjunto da OCDE

O japonês Yoshiki Takeuchi foi nomeado secretário-geral-adjunto na Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE), sucedendo a Masamichi Kono.

Takeuchi ocupa atualmente o cargo de conselheiro especial do Ministro das Finanças do Japão, depois de uma carreira de quase quatro décadas no governo japonês, informa a OCDE em comunicado.

Na última década, desempenhou funções como vice-ministro de Assuntos Internacionais, director-geral da Secretaria Internacional e ocupou outros cargos de relevo no Japão, representando o país em reuniões de elevada importância como o o G7 ou G20.

Takeuchi colaborou ainda com organizações internacionais como o FMI, o Banco Mundial, o Banco Asiático de Desenvolvimento e outras instituições de desenvolvimento regional.

O japonês, que tem uma pós-graduação pela Universidade de Oxford, liderou ainda a equipa de finanças da presidência do G20 do Japão.

“Yoshiki traz uma riqueza de experiências e conhecimentos para a equipa de liderança sénior da OCDE. Espero trabalhar de perto com ele, à medida que continuamos a intensificar os nossos esforços para otimizar a intensidade e a qualidade da nossa recuperação, lidar com as alterações climáticas, gerir melhor a transformação digital da nossa economia e apoiar a expansão sustentável do comércio global ”, explicou o secretário-geral da OCDE, Mathias Cormann.

Ler Mais


Comentários
Loading...