Xiaomi aposta nos carros elétricos. Nova divisão automóvel chama-se Xiaomi EV

A gigante tecnológica Xiaomi vai entrar no mercado automóvel com a sua nova empresa Xiaomi EV Company Limited. Com projetos ambiciosos que incluem condução autónoma, a empresa foi registada com um capital de 1,3 mil milhões de euros.

A informação avançada pelo portal ‘Quatro Rodas’ dá conta da intenção da Xiaomi em apostar neste setor, que se concretizou com o registo de uma subsidiária no primeiro dia de setembro, de acordo com a própria marca.

A divisão dedicada à fabricação de veículos será gerida pelo empresário e cofundador da Xiaomi, Lei Jun, que prevê iniciar a produção do primeiro carro elétrico brevemente.

De acordo com a mesma fonte, a Xiaomi EV Company Limited conta atualmente com uma equipa de 300 funcionários, escolhidos “cuidadosamente” para ingressarem neste novo projeto.

Para além destes, Lei Jun sublinhou que a empresa está preparada para ingressar neste setor pois o grupo conta com 16.000 engenheiros, alguns deles em projetos que incluem inteligência artificial.

No que respeita à condução autónoma, a Xiaomi adquiriu recentemente a empresa de tecnologia Deepmotion Tech, revelou o portal ‘Quatro Rodas’.

Ainda sem anúncio sobre a localização da fábrica, a mesma fonte revela que a Xiaomi encontra-se sondar localizações como Pequim, Xangai e Wuhan.

Ler Mais


Comentários
Loading...