Trabalhadores do setor ferroviário começam hoje greve às horas extraordinárias

Os trabalhadores do setor ferroviário vão estar em greve às horas extra a partir de hoje e até 17 de maio, reivindicando a valorização dos salários e melhores condições de vida.

Em 19 de abril, o Sindicato Nacional dos Trabalhadores do Setor Ferroviário (SNTSF), afeto à CGTP, entregou um pré-aviso de greve ao trabalho extraordinário entre as 00:00 da próxima segunda-feira e as 24:00 do dia 17 de maio.

A estrutura sindical adiantou, em comunicado, que esta foi “uma das formas de luta discutidas nos contactos e plenários que se têm realizado”, nos quais os trabalhadores têm sido esclarecidos e mobilizados a dar resposta “à falta de propostas concretas” do Governo e da CP.

Na mesma nota, o sindicato acusou a administração da CP e o executivo de realizarem “manobras de diversão em negociações onde impera a chantagem e intransigência”, após a entrega do caderno reivindicativo, que prevê a revisão do acordo da empresa (AE), o “aumento das cláusulas de expressão pecuniária” e a subida dos salários.

“Com a orientação dos governos, as empresas recorrem insistentemente ao trabalho extraordinário para tentar criar a ilusão nos trabalhadores que têm um ótimo salário, quando é precisamente o contrário”, lamentou o SNTSF





Notícias relacionadas
Comentários
Loading...