Presidência da UE: Visita da Comissão Europeia marca “dia muito importante” para Portugal

O primeiro-ministro, António Costa, recebeu hoje, em Lisboa, uma delegação da Comissão Europeia, encabeçada pela presidente Ursula von der Leyen, num “dia muito importante” para a presidência portuguesa do Conselho da União Europeia (UE).

 

“Hoje é um dia muito importante que marca o início da nossa presidência. Damos as boas-vindas ao colégio de comissários para que trabalhemos em conjunto nas prioridades do programa do ‘semestre português’”, escreveu António Costa na sua conta oficial da rede social Twitter.

 

Para o primeiro-ministro, “este é realmente o tempo de agir: por uma recuperação justa, verde e digital”, lê-se na mesma publicação.

O colégio da Comissão Europeia chegou hoje ao Centro Cultural de Belém, em Lisboa, pelas 10:15, para a tradicional visita ao país que assume a presidência semestral rotativa do Conselho da UE, e que está sob a tutela de Portugal desde o passado dia 1 de janeiro.

Do programa da visita consta uma sessão de trabalho com o Governo português, que inclui um encontro bilateral entre Ursula von der Leyen e o primeiro-ministro António Costa, reuniões bilaterais e por grupos temáticos entre os demais comissários e membros do Governo português e uma reunião plenária.

As sessões de trabalho incidirão sobre as diferentes prioridades do programa do ‘semestre português’, nomeadamente sobre os cinco temas principais da quarta presidência portuguesa – Europa Resiliente, Europa Social, Europa Verde, Europa Digital, e Europa Global -, mas também, mais especificamente, sobre questões fulcrais no momento atual da UE, como as migrações e a saúde.

O comissário Margaritis Schinas, responsável pela pasta da Promoção de um Modo de Vida Europeu, recorreu à mesma rede social para dar conta da sua chegada à “bonita Lisboa”.

“Estou ansioso por discutir com o ministro Eduardo Cabrita sobre a migração e segurança e com Marta Temido sobre a União Europeia da Saúde e a estratégia de vacinação na UE”, escreveu Schinas, referindo-se aos ministros da Administração Interna e da Saúde, respetivamente.

Dada a pandemia de covid-19, a visita do colégio da Comissão Europeia decorre em formato reduzido, com a presidente Von der Leyen a liderar uma delegação que inclui oito comissários, e não a totalidade do executivo comunitário, e com o programa reduzido a um dia, em vez dos habituais dois.

Ursula Von der Leyen chegou ao Centro Cultural de Belém, em Lisboa, acompanhada pelos três vice-presidentes executivos, Frans Timmersmans (responsável pela pasta do Pacto Ecológico Europeu), Valdis Dombrovskis (Uma Economia ao Serviço das Pessoas) e Margrethe Vestager (Digital), e pelo vice-presidente e Alto Representante da UE para a Política Externa, Josep Borrell.

A delegação integra ainda a comissária portuguesa Elisa Ferreira (Coesão e Reformas), e os comissários Nicolas Schmit, que tem a tutela dos Assuntos Sociais, uma das grandes prioridades da presidência portuguesa, Margaritis Schinas (Promoção de um Modo de Vida Europeu) e Maros Sefcovic (Relações Interinstitucionais e Prospetiva).





Notícias relacionadas
Comentários
Loading...