Ford Europa quer chegar a 2030 a vender maioritariamente veículos eletrificados

A Ford Europa anunciou que, até 2030, a totalidade das vendas dos seus veículos de passageiros e dois terços dos comerciais serão 100% elétricos. É um passo gigante rumo à mobilidade elétrica que a marca irá conduzir em duas fases.

Já em 2026, a divisão europeia da marca americana diz que todos os veículos de passageiros terão a capacidade de zero emissões, ou seja, todo o alinhamento de modelos na Europa será constituído por híbridos plug-in e veículos elétricos. Em 2030 a marca pretende que a totalidade das vendas corresponda a veículos eletrificados.

No que diz respeito aos comerciais, o cenário é similar: até 2030, a Ford Europa aponta para que dois terços das vendas sejam elétricos ou híbridos plug-in. Mas prevê que já em 2024 todo o alinhamento de comerciais seja constituído por estes tipos de veículos.

Estes objetivos fazem parte de um plano de investimento global no valor de 22 mil milhões de euros, anunciado no início deste mês, durante a apresentação dos resultados do quarto trimestre de 2020.

Stuart Rowley, presidente da divisão europeia da marca, afirmou que “reestruturámos com sucesso a Ford Europa e regressámos aos lucros no quarto trimestre de 2020. Agora é altura de impulsionar um futuro elétrico na Europa, com novos veículos expressivos e uma experiência de cliente conectada”.





Notícias relacionadas
Comentários
Loading...