Falta de carros novos está a fazer disparar preços dos usados

A falta de chips e semicondutores está a afetar a produção de automóveis novos, que chegam a demorar um ano a chegar às mãos dos clientes. Com isto, os carros usados estão cada vez mais caros e alguns já custam mais do que os novos, avança a Rádio Renascença.

Quem vender um carro usado ganhará mais dinheiro agora, mas quem comprar também vai precisar de desembolsar um valor mais alto, explica a Renascença.

A rádio conta o caso de um Peugeot 107, que novo custaria 11.700 euros, à venda no site ‘Standvirtual’ por mais três mil euros.

“Está a ter um impacto muito negativo, em Portugal e nos outros países. Há uma longa lista de espera, e os clientes não percebem a situação que cria grandes constrangimento”, disse à Renascença o secretário-geral da Associação Automóvel de Portugal (ACAP), Hélder Barata Pedro.



Comentários
Loading...