Covid-19: Quando é que Portugal vai levantar todas as restrições? 3 de abril é a data apontada pela DGS

A Direção-Geral da Saúde (DGS) estima que seja no dia 3 de abril que Portugal atinja o limiar de 20 mortes por milhão de habitantes causadas pela covid-19, podendo levantar todas as restrições, avança a ‘CNN Portugal’.

Segundo a estação, esta estimativa foi hoje confirmada por Graça Freitas, diretora-geral da saúde. “É uma projeção, que pode sempre mudar” face à evolução dos números, referiu à margem das Jornadas de Atualização em Doenças Infeciosas do Hospital de Curry Cabral.

A responsável disse ainda esperar que seja possível abandonar as máscaras nas escolas ainda este ano letivo, garantindo que essa medida avançará ao mesmo tempo em todos os locais, nomeadamente nos transportes públicos.

De recordar que o limiar de 20 mortes por milhão de habitantes – critério definido pelo Centro Europeu de Controlo e Prevenção de Doenças (ECDC) – foi também o referido há uma semana pelo Governo para o levantamento de todas as restrições impostas para controlar a pandemia de Covid-19.

Nessa altura, foi definido um alívio de medidas, havendo cinco regras que deixaram de se aplicar. Terminou o confinamento de contactos de risco, a recomendação de teletrabalho, os limites de lotação nos estabelecimentos comerciais, a exigência de certificado digital e a exigência de teste negativo para acesso a grandes eventos, recintos desportivos e discotecas.

Há, no entanto, uma exceção ao fim da exigência do certificado digital, que é o controlo de fronteiras. Assim continua a aplicar-se esta regra para viagens.

Quanto ao teste negativo, este continua a ser necessário (salvo para quem a 3.ª dose ou certificado de recuperação) para as visitas a lares e a pacientes internados em estabelecimentos de saúde. A máscara mantém-se nos espaços interiores.

A próxima fase acontece quando for atingido o limiar de 20 mortes por milhão de habitantes. Segundo revelou na semana passada a ministra da Presidência, Mariana Vieira da Silva, a previsão que os peritos dão para o país chegar a esse ponto é de cinco semanas, sendo essa a data prevista para passar à próxima fase.

“Não é um calendário que possamos definir, mas a previsão que os peritos nos dão para o tingir dessa meta é de cinco semanas. Como sabem, continuaremos a avaliar quinzenalmente a avaliação deste valor”, informou.

Ler Mais


Comentários
Loading...