Covid-19: Portugal ‘rejeita’ britânicos com vacina da AstraZeneca de produção indiana

Portugal não está a isentar de quarentena os britânicos que entrem no país e que, apesar de totalmente vacinados, foram inoculados com a versão indiana da vacina da AstraZeneca.

A comunicação social britânica dá hoje destaque ao constrangimento provocado aos turistas vacinados com esta vacina, sendo que serão cerca de cinco milhões de pessoas que se encontram nesta situação e que terão sido vacinados com a vacina produzida na Índia sem terem conhecimento disso.

Como a vacina de produção indiana não é uma das aprovadas pela Agência Europeia do Medicamento (EMA) e Portugal também não lhe reconhece equivalência, os viajantes que tenham sido inoculados com esta versão ficam obrigados a cumprir 14 dias de quarentena na chegada ao nosso país.

Os jornais ingleses, como o The Telegraph, estão a dar destaque às regras do Governo português, por ser um destino de excelência para os britânicos. Mas a verdade é que Portugal faz parte de um grupo de 13 países europeus, como Itália, Estónia ou República Checa, que ainda não reconhece esta vacina, já que segue a lista da EMA.

Porém, cada estado-membro pode tomar as suas próprias decisões no que a esta matéria diz respeito, sublinha o The Telegraph, que cita exemplos como França, Espanha ou Croácia que já reconhecem a vacina.

Bruxelas diz que “muitos estados-membros estão agora a finalizar as suas posições quanto à equivalência das vacinas com o prpósito de viajar”. “Assim que o fizerem, publicaremos no site ReopenEU”, disse um porta-voz da Comissão Europeia ao jornal inglês.

Ler Mais


Comentários
Loading...