Covid-19: Johnson & Johnson faturou cerca de 100 milhões de dólares no primeiro trimestre com vacinas

A Johnson & Johnson faturou 100 milhões de dólares (83,7 milhões de euros) no primeiro trimestre de 2020 só com a venda da sua vacina de dose única contra a covid-19, fazendo disparar as receitas em 9,6% face ao ano passado para 12,19 mil milhões de dólares (9,97 mil milhões de euros), revela a CNBC.

No que toca aos materiais de proteção individual a empresa conseguiu obter 6,57 mil milhões de dólares (5,37 mil milhões de euros), um aumento de 7,9% face ao ano anterior.

Outra grande fatia da receita deste primeiro trimestre adveio da venda de um medicamento de mieloma múltiplo para a doença de Cohn, produzido pela empresa parceira de produção, Darzalex e Stelara, com um total de 3,5 mil milhões de dólares (2,3 mil milhões de euros).

Para o diretor financeiro da empresa, Joseph Wolk, entrevistado pela CNBC, os ramos de negócio da empresa começam a estar “claramente mais saudáveis este ano do que em 2020”.





Notícias relacionadas
Comentários
Loading...