Clima: Outubro foi o 4.º mais quente no Hemisfério Norte desde que há registos

O mês de outubro foi o mais quente no Hemisfério Norte desde que existem registos, ou seja desde 1880, informa o relatório climatológico mensal da agência norte-americana NOAA (National Oceanic and Atmospheric Administration), citado pelo El Mundo.

O relatório indica que a temperatura na superfície terrestre durante o mês de outubro foi 0,89 graus superior à média do século XX, que é de 14 graus. Este é o quarto mês de outubro mais quente em 142 anos de recorde histórico, só superado pelos de 2015, 2018 e 2019.

Os 10 meses de outubro mais quentes ocorreram desde 2003. Este ano foi o 45.º outubro consecutivo e o 442.º mês consecutivo com temperaturas acima da média do século XX.

O mês de outubro foi caracterizado por temperaturas mais altas do que o normal em grande parte das Américas, África, norte da Europa, partes do sul e leste da Ásia.

Houve registos de calor em áreas da América do Norte e do Sul, Norte da África, Sul da Ásia e partes dos oceanos Atlântico e Pacífico , representando 8,24% da superfície do planeta, a segunda maior percentafem.

De acordo com os Centros Nacionais de Informações Ambientais (NCEI) da NOAA, é “praticamente certo” que 2021 terminará entre os 10 anos mais quentes desde 1880, com grande probabilidade de ficar entre os seis primeiros.

Ler Mais


Comentários
Loading...