CEO da Audi acredita que os elétricos terão menos autonomia no futuro

Seria de esperar que, com a evolução dos veículos elétricos estes viessem a aumentar cada vez mais a sua autonomia, mas em entrevista ao Roadshow o CEO da Audi, Markus Duesmann, afirmou acreditar que não é isso que vai acontecer.

Para Duesmann, à medida que a infraestrutura de carregamento se tornar mais densa, os veículos deixarão de ter a necessidade de ser equipados com baterias tão grandes para aumentar a autonomia, introduzindo um “peso desnecessário” e tornando estes veículos mais caros.

O CEO da Audi acredita também que os consumidores irão precisar de algum tempo de adaptação ao novo paradigma elétrico: “Hoje vamos a um posto de combustível, e atestar para fornecer energia ao veículo para se mover é algo que temos como muito natural. Com os veículos elétricos, o carregamento ainda não é um ato natural e precisa de um pequeno ajuste dos comportamentos. Mas a partir do momento em que essa transição estiver feita, penso que o tamanho das baterias vai voltar a diminuir porque tornam os veículos demasiado pesados, dispendiosos e até grandes”.





Notícias relacionadas
Comentários
Loading...