Pais de crianças até aos 12 anos com faltas justificadas e apoios iguais aos de março, diz António Costa

À saída da reunião do Conselho de Ministros de hoje, em que ficou confirmado o encerramento das escolas durante os próximos 15 dias, António Costa anunciou que as famílias terão acesso a apoios “idênticos” àqueles que se verificaram no confinamento de março, quando o ensino presencial foi suspenso.

Recorde-se que na altura os trabalhadores por conta de outrem que tiveram de ficar em casa para acompanhar as crianças até aos 12 anos tiveram acesso a apoios no valor de 66% da remuneração base, divididos em iguais partes pela entidade empregadora e pela Segurança Social. Relativamente aos trabalhadores independentes nas mesmas condições, o valor do apoio era de um terço da remuneração média. Os pais de crianças até aos 12 anos terão ainda direito a faltas justificadas.

 





Notícias relacionadas
Comentários
Loading...