Índia. Níveis “graves” de poluição atmosférica deixam Nova Deli mergulhada em nevoeiro

O inverno a chegar fez com que os níveis de poluição atmosférica subissem para “graves” em partes da capital da Índia, Nova Deli, onde as concentrações de partículas finas no ar são três vezes acima dos limites aceitáveis.

A previsão é de que a capital indiana continue com má qualidade do ar durante os próximos dias. “Como a temperatura mínima está a descer, a ocorrência gradual de nevoeiro durante as primeiras horas da manhã é suscetível a aumentar, levando à deterioração do índice de qualidade do ar (AQI)”, explicou o Sistema de Qualidade do Ar e Previsão e Investigação Meteorológica (SAFAR) do governo federal, segundo a Sky News.

Na terça-feira, a partir das 10h00, o índice de qualidade do ar atingiu mais de 400 em partes da cidade, o que representa a categoria “grave” de poluição atmosférica, de acordo com a Central Pollution Control Board (CPCB).

A central revelou ter registado 180 microgramas por metro cúbico de ar na Região da Capital Nacional de Deli, um valor três vezes acima do limite aceitável de 24 horas: 60 microgramas por metro cúbico de ar.

Nova Deli é a capital mais poluída do mundo, o que deixa os habitantes numa luta constante todos os invernos porque as temperaturas frias e os ventos constantes prendem os poluentes mais perto do solo.

As autoridades introduziram várias medidas ao longo dos anos para melhorar a qualidade do ar, como a mudança da frota de transportes públicos para combustível mais limpo, a pulverização de água do topo das torres e nas estradas e o controlo da queima de lenha e resíduos durante a época mais fria.

No entanto, os peritos defendem que estas medidas têm também de ser aplicadas em todo o norte da Índia e nas cidades em redor de Nova Deli que formam a Região da Capital Nacional, também com má qualidade do ar.

Ler Mais



loading...
Notícias relacionadas