Não está com vontade de trabalhar? Este artigo explica o porquê

Já alguma vez acordou a pensar “hoje não quero mesmo ir trabalhar”? Ou sentiu uma enorme ansiedade à noite simplesmente por saber que terá que ir para o emprego no dia seguinte? É provável que sim. Todos já tivemos que enfrentar fases profissionais menos gratificantes.

Todavia se este se tornar num sentimento recorrente então algo está errado. Não é suposto o nosso emprego ser simplesmente uma fonte de sofrimento e ansiedade. Isso simplesmente não é sustentável.

Infelizmente (ou não) todos temos que trabalhar para sobreviver pelo que se torna essencial conseguir encontrar um equilíbrio emocional que nos permita retirar algo positivo do nosso quotidiano profissional.

Recentemente os especialistas do portal Psychology Today, reuniram um conjunto de fatores que mais podem estar a contribuir para este sentimento negativo em relação ao seu emprego. Eis as principais conclusões.

 

  1. Não quer ir trabalhar por causa do ambiente no seu local de trabalho

A experiência de irmos para o escritório pode ser bastante desagradável. A existência de colegas ou chefes “tóxicos”, as horas no trânsito, os almoços apressados na copa, tudo isto pode contribuir para uma experiência bastante frustrante. Algumas pessoas simplesmente não se adaptam bem à vida de escritório.

No ano passado muitas pessoas tiveram a oportunidade de experimentar o trabalho a partir de casa e os resultados parecem reveladores. Os diversos inquéritos à população têm revelado que a grande maioria das pessoas aprecia este tipo de flexibilidade e pretende, inclusive, continuar a trabalhar a partir de casa no futuro.

 

  1. Não quer ir trabalhar porque está com problemas pessoais

Sabemos bem a forma como a nossa vida pessoal pode afetar a nossa produtividade. O stress, a angústia e a ansiedades provocados por um qualquer problema na nossa vida pessoal pode prejudicar o nosso trabalho. Temos mais dificuldade em nos concentrar e em apreciar as coisas boas associadas ao nosso emprego. Nestes casos pode ser importante falar com as chefias no sentido de explicar que algo está a acontecer e procurar encontrar estratégias que ajudem a compartimentalizar ou resolver alguns dos problemas que está a enfrentar. Um período de férias poderá igualmente ser importante nestes momentos para conseguir restabelecer a sua energia emocional.

 

  1. Não quer ir trabalhar porque está com problemas de saúde

Quando o nosso estado de saúde está afetado, a nossa motivação profissional pode ser fortemente impactada. Estar bem fisicamente e mentalmente, dormir horas suficientes, seguir uma boa alimentação e fazer exercício físico regularmente, são tudo coisas que ajudam a fortalecer a nossa energia e motivação. Muitas vezes podemos acreditar que o nosso trabalho é o responsável pela nossa falta de energia, todavia isso pode ser justificado por um qualquer desequilíbrio no seu estado de saúde. Todos temos necessidades ligeiramente diferentes, pelo que é importante que encontre um conjunto de rotinas e rituais que ajudem a proteger o seu bem-estar e estado de saúde. O mais provável é que a sua motivação profissional acabe por melhorar como consequência de um estilo de vida mais saudável.

 

 





Notícias relacionadas
Comentários
Loading...